Scolari Falhou.

Não estou nada de acordo com as trezentas e noventa e nove opiniões (a maior parte de gente abalizada da imprensa e do desporto nacional que é o futebol) que dizem ter Scolari falhado ao tentar agredir o Dragutinovic, e não concordo porque, quanto a mim, Scolari falhou, não uma, mas duas vezes e aqui é que está o cerne da discussão. Falhou, porque o seu mau boxe não deu para enfiar convenientemente o seu gancho de esquerda no Dragutinovic quando este lhe tentou roubar o relógio, depois, falhou, ao confrontar-se de forma egoísta com o jogador sérvio, só porque este lhe insultou a família quando, o árbitro Markus Merk, tinha acabado de insultar a selecção nacional, o presidente da república, o primeiro ministro, o governo e o povo português (aqui, toca-me a mim e à minha família), validando um golo falso como Judas que, este sim, bem merecia um uppercut que o pusesse K.O.

Assim, só o desculpo, porque ainda ontem o Paulo Bento com toda a tranquilidade e o penteado que o caracteriza, dizia que; “quem nunca errou que atire a primeira pedra” e, tenho uma vaga ideia, vaga, porque longínqua, de já ter errado uma vez, quanto muito e no máximo dos máximos, duas.

Conclusão sem obliquidades morais: Se Zinedine Zidane depois daquela magnifica cabeçada levou dois jogos de suspensão, Scolari, fazendo parte desta praxis desportiva, nem um merece.



7 comentários:

PortoCroft disse...

Evidentemente. Concordo em absoluto. :)

Falando sério: no pressuposto de que o jogador sérvio leva dois ou 3 jogos de castigo, julgo que uma advertência a Scolari, justifica-se. Nada mais do que isso. Nada que o impeça de continuar o seu trabalho e muito menos que abra, de novo, as portas aos traficantes de interesses, de má memória para a selecção.

E, quem andou a telefonar, madrugada adentro e repetidamente a Madaíl - sendo o único presidente de clube a fazê-lo -, pedindo a cabeça de Scolari? Quem? Quem? Quem?

I rest my case! :)

sa morais disse...

Como disse no meu blog, Scolari teve um momento tuga - coisa latina de ter os nervos à flor da pele! Somos violentos e arruaceiros? E depois?! Podem odiar-nos, desde que nos temam! Se noutras situações os portugueses não fossem "tão ovelhas mansas", talvez o país fosse um bocadinho melhor...

Abraço!

PS: Hoje há Goor na TV - ver no Ideias!

Rui disse...

Até eu já errei! Acho que foi em 1985, mas não posso jurar.

A culpa é da quantidade de câmeras espalhadas nos estádios. O João Pinto que o diga, que até tentou ser discreto, quando aplicou ao árbitro um golpe aprendido no Bairro do Falcão.

CHEVALIER DE PAS disse...

esta é mas é prova provada do que somos!

Clavis disse...

o comportamente deste "menino-velho" mimadão e ultra-hiper-mega remunerado está bem à altura do nível do Futebol português e do nível de entrega destes supostos "desportistas" (de facto, "mercenários" amimalhados peos portugueses).

No mínimo Scolari devia ser despedido, por não ser capaz de manter a disciplina em si mesmo, quando mais no seu grupo e por embora tendo uma das melhores selecções do mundo, deixar o país exposto a esta vergonha mediática e por comprometer o apuramento da Selecção.

Enfim, o Futebol no seu pior, e o amigo Pires sabe bem o que penso eu deste turvo, mimado e corrupto "mundo da Bola"...

Odysseus disse...

Concordo plenamente com as tuas palavras, uma sábia opinião.
Não esqueças que o Zidane tinha o poder do Platini por detrás, o Madaíl não tem o mesmo peso.
Gostava de ter o teu dom de escrita para combinar com a minha imaginação :( Adorei mesmo esta tua analise.

Anónimo disse...

exactíssimamente!!!!!!!!!!!


ou há justiça :)))) cof cof ou "levam" todos...

______________
Scolari é só um poucomais "baixo" que Z.Z.
:))))

abraçoooooooooooooo.


a sorrir.
/



imf ou y ou piano.