Tamiflu, o grande negócio.

Porque hoje é domingo, e não acreditando eu na tão apregoada pandemia aviária, porque já a discuto em blogs desde o ano passado e, fartei-me do histerismo sobre o assunto, decidi partilhar com os que por aqui passam, o que penso.

Não sei se sabem, mas o virus aviário (H5N1) foi descoberto há 9 anos no Vietnam e desde então morreram 100 pessoas em todo o mundo. Estes números demonstram, só por si, que este virus não é lá grande coisa em termos de eficácia, ou seja: não é nenhum papão como nos querem fazer crer.

Sendo assim, porque se fala então, tanto neste virus?

Bem… estou convencido que por um lado são questões comerciais e por outro o emprenhar crónico de que sofre a Europa quando os norte-americanos decidem fecundá-la, e nada mais. Senão vejamos: quem lançou o alerta sobre o H5N1 foram os norte-americanos. Até aqui nada de extraordinário, dirão alguns, mas se juntarmos mais uma pequena informação, talvez não seja bem assim. Vejamos esta: O Tamiflu é um antiviral humano, que alivia alguns sintomas de gripe comum e mesmo para essa função é questionado por uma parte da comunidade científica, e no caso do H5N1 segundo dizem também, apenas alivia a doença.
Quem diz isto? A revista espanhola Dsalud considerada uma das melhores do género, no seu último editorial.

Agora juntemo-lhes mais uma informação: O Tamiflu é comercializado pelos laboratórios Roche, que comprou a patente à Gilead Sciences Inc em 1996, logo na altura em que aparece a gripe aviária e que, por coincidência, o seu presidente era Donald Rumsfeld actual secretário da defesa dos USA e que é hoje o seu principal accionista.

Depois do alarme dado pelos norte-americanos, as vendas passaram de 254 milhões em 2004, para 1000 milhões em 2005, e tudo isto porque os amigos de Rumsfeld; Bush e Cheney decidiram que o Tamiflu é a solução para a pandemia que ainda não se produziu e que em 9 anos ceifou o astronómico número de 100 vidas humanas em todo o mundo.

Bem…eles não acertaram quando disseram que no Irak havia armas de destruição maciça, mas a Europa acredita que eles agora podem acertar na pandemia. (!?)

Aqueles que chegaram até este ponto no texto e se interrogam, porque não ficou então a Gilead Sciences Inc com o bolo todo, pensem antes assim: Como é que iriam aprovar uma coisa destas quando a cabeça de cartaz (Rumsfeld) era o maior accionista? O golpe seria fazerem o negócio por fora, então recebe quando vende a patente e sabemos que recebeu também agora a titulo de retroactivos 62,5 milhões de dólares e mais 18,2 milhões extras pelas vendas superiores às contabilizadas entre 2002 e 2003.

Cá por mim, quando o Pentágono no passado mês de Outubro, veio dizer que Rumsfeld se absteve na votação, é porque alguém os está a apertar, porque existem outras evidências como por exemplo: quando os laboratórios compraram a patente, compraram também 90% da produção mundial de anis estrellado que é a base do Tamiflu e que só existe na China fundamentalmente e em pequenas quantidades no Laos e na Malásia.

Bem…será que uma operação desta envergadura para um antiviral, não vos parece despropositado?

15 comentários:

Bill disse...

Grande amigo Pires...

Confesso que meus conhecimentos não chegavam a tanto, seu post iluminou muitas das minhas duvidas...
Realmente estranho uma ação mundial como essa, já que por todos os cantos só se fala nisso, mesmo com numero de mortes pequeno [não que não seja significativo], uma ação desse tamanho vinda daquela corja de malandros...
Isso prova que o mundo ainda não abriu os olhos para o verdadeiro vírus que nos afeta, USA.

Ótimo domingo amigo.

os: As partes que citou do meu ultimo textos, são as principais, coração e alma de tudo, bem visto amigo.

[s]s

PiresF disse...

Bill.

Pois é amigo, a política é uma merda e temos de viver com ela.
Tenta informar-te sobre o grupo Bilderberg, também conhecido como os donos do mundo.

Achei o teu post muito bom e aquelas frases, para além de serem o coração, são mesmo muito boas.

Um grande abraço.

paper life disse...

Recebi por e-mail toda uma informação sobre isto vinda de Espanha.

A ser verdade, dá muito que pensar.

Bom dia.

:)

Nina disse...

Nossa...

Não sabia disso... Confesso que estou espantada... Porque quando aparece esse tipo de notícia nossa reação é o medo, dificilmente o povo pega pelo lado da razão, não? Que melhor maneira de manipular um momento senão gerar pânico?

Sei não...

Ótimo dia pra você, ótima semana!

=]

Parrot disse...

Caros Piref,

Também já tinha conhecimento disto num e-mail vindo de Espanha. Eu já acredito em tudo. Cada vez vivemos mais num mundo dominado por interesses económicos em que as pessoas são meros números. Quanto a este Rumsfeld, se analisarmos com atenção, está metido em todas.....porque será?
- Participações em Empresas de armas.
- Participações na Indústria aeronáutica
- Participações na industria da extracção do petróleo
- Agora isto......

Nada acontece por acaso......

Abraço

Nota:
Alguns filmes que julgava "sensacionalistas" pela forma ...... talvez não sejam assim tão exagerados:
Syriana de Stephen Gaghan é um desses exemplos.

PiresF disse...

Isto não é novo, eles já o faziam desde o tempo da Administração Gerald Ford, só que usavam os soldados americanos.
Na década de 70, ouve inclusive um antiviral que provocou 50 mortos e na Administração Reagan, também fizeram das deles, aliás todos os soldados antes de irem para o Irak receberam doses maciças de antivirais adquiridos pelo Pentágono, e quem está sempre por trás são os laboratórios da Gilead Sciences Inc da qual Rumsfeld era presidente e agora o seu maior accionista.

Agora, só resolveram passar as fronteiras e criar o pânico no resto do mundo, mas segundo parece, eles não estão sós, e a crer nalgumas informações que por aí andam, estes senhores fazem parte de uma sociedade secreta criada há 54 anos em Oosterbeek, na Holanda e que dá pelo nome de Bilderberg (os donos do mundo).

Segundo escreveu Orlando César, no dossier Bilderberg: o «Império do mercado», publicado na edição de Dezembro de 2005 da revista «Função Pública». Trata-se de uma organização que reúne a elite do capitalismo mundial e as elites do campo político, dos meios académicos e do campo dos media.
O presidente honorário do grupo de Bilderberg é Etienne Davignon, ex-comissário europeu e vice-presidente da Suez-Tractebel, enquanto o representante português na comissão de direcção é, desde há 17 anos, Francisco Pinto Balsemão.

Agora fiquem com esta: O nome de Durão para presidente da Comissão Europeia, surge depois da reunião de Bilderberg de Stresa em 2004. Estavam lá a convite do Balsemão, Santana Lopes e José Sócrates e foi precisamente nesta reunião que alguém defendeu o nome de Durão para presidente da Comissão.

Durão Barroso representa os interesses do "governo mundial". Tanto Kissinger como Rockefeller apoiaram energicamente a candidatura de Durão Barroso para aquele posto.
Barroso também foi amplamente apoiado pelos bilderbergers americanos em Stresa, por este ter apoiado a intervenção americana no Irak.

Bem… fico por aqui, senão o comentário fica maior que o post.

Um abraço, amigos.

Maite disse...

Caro PiresF

E que grandes negócios! A globalização com tudo o que de nefasto tem para a esmagadora maioria dos seres humanos. E o mais assustador é a ideia de não haver retorno.

Boa noite para si

jp disse...

Parece.
eu também recebi esse email;-)

Era uma vez um Girassol disse...

Esclarecedora informação, Pires, embora também já tenha ouvido referir o caso do Tamiflu...
Somos apenas marionetes e os donos do mundo divertem-se no seu mundo de brincadeiras!
Bjs

Hipatia disse...

Numa sociedade como a actual - afinal tão semelhante às sociedades desde sempre - a nossa capacidade para controlar as nossas circunstâncias é sempre relativa. E, tal como nos tempos em que os homens temiam as trevas e adoravam o fogo ou a lua, é fácil ganhar poder controlando o medo dos outros com a aparência de controlo sobre o que o provoca. A grande diferença é que, hoje em dia, quase todos os medos são alvo de marketing agressivo.

Obrigada pelos parabéns lá na Voz :)

Clarissa disse...

Pires...só se houve falar de uma Pandemia...o que é verdadeiramente assustador. Relativamente a este post é mesmo novidade para mim.
Grata pelas iformações de crítica tão útil.
Beijocas padrinho :)

Clarissa disse...

Errata : ouve

Multimeida disse...

Caro Pires,

estive com bastante prazer a passar uma vista de olhos (espreitar) no teu blog e este assunto interessou-me.
Mais pois neste momento estou a "tratar" ambos os meus pequenos com a sua dose de medicamentos.
É o Ventilan,Atrovent,Zyrtek,Flexotaid,Singular...todos os que fixei rápidamente.
Esse tempo que no Verão me sobra para colocar a leitura em dia no Inverno torna-se impossível.
Será alguma conspiração para mutações futuras já nas gerações seguintes ?
Fico bastante preocupado e agradeço investigações por parte dos "Organismos" competentes.
Era para rir a frase anterior ?
Vou parar para ligar a máquina Project da Artesana durante cerca de 10 min.
Vou ter que voltar quando puder...ou "eles" me deixarem.
Um abraço
AJA

Anónimo disse...

Estes americanos... Se der dinheiro vendem o pai e a mãe!

tb disse...

É bom começar a confirmar as minhas suspeitas sobre a proveniência do virus e a quem interessa esta irracionalidade....desde o início que acho aquilo tudo, uma história mal contada!
Mas afinal parece que nã oestou sozinha nas minhas desconfianças!