Eclipse anular ou anelar

Quem teve a sorte, de estar fisicamente na faixa de anularidade, foi bafejado por este imenso espectáculo, que só, se repetirá em 2028, os outros, nos quais me incluo ficámo-nos pelo eclipse parcial, e mesmo assim foi uma festa.

Braga, Vila Real, Viana do Castelo e sobretudo Bragança, foram os distritos privilegiados para este espectáculo, por estarem situados dentro dessa estreita faixa de visibilidade ao longo da qual o disco lunar oculta o centro do disco solar.

As fotos são da imprensa On-line em geral.






7 comentários:

Bill disse...

Maravilhosas as imagens, gostaria muito de estar ai e conferir esse fenômeno magnífico, creio que minha imaginação para contos noturnos iria pirar com uma noite em pleno dia.
Felizardos vocês, quem sabe em 2028 eu não vá para Portugal, para ver essa maravilha.

[s]s

PiresF disse...

Enquanto não vens, espero que as fotos te inspirem.

Rui Martins disse...

Anelar, porque o Sol formou um "anel" em torno do Sol... Já li algures na imprensa a grafia "anular", pelo que a confusão é bem compreensível.

PiresF disse...

Rui!
As duas formas estão correctas. Anular do latin annulãre, é um adjectivo de género; em forma de anel.

Nina disse...

Que coisa linda, como eu gostaria de ter presenciado essa maravilha da natureza!!
Abraços...

Bill disse...

Caro amigo...Gostou das músicas do Grupo de Música antiga Le Bizarre.
Pois bem, lhe enviarei um cd de presente, me mande por e-mail seu nome completo e endereço para que eu possa colocar pelo correio o mais rapido possivel.
Manda para o e-mail: billpa@gmail.com

Ok =]

[s]s

Valkye disse...

Ah, imagens belíssimas, estou invejando quem presenciou o eclipse.