O Piano sílaba por sílaba




O Piano sílaba por sílaba
Viaja através do silêncio
Transpõe um por um
Os múltiplos murais do silêncio
Entre luz e penumbra joga
E de terra em terra persegue
A nostalgia até ao seu último reduto


Sophia de Mello Breyner Andresen




9 comentários:

ThAlEs disse...

O Piano...
Tem um som tão bonito.
E muitas das pessoas que mais gosto tocam piano...

Abraço

PS:O oficial é o Sexta Feira ( Acabei de o actualizar) , o Sala de Ensaios é meu e da CL.

Teresa Durães disse...

Entre luz e penumbra joga

Um poema lindíssimo

O que joga?

Era uma vez um Girassol disse...

Cresci a ouvir tocar piano em casa.
Som familiar...
Mais um belo poema De Sophia,muito bem escolhido.
Bjs

pintoribeiro disse...

Bom dia Pires...e a minha filha, curiosamente, ali às voltas, logo hoje, com a poesia da Tia...abraços. Bom sábado. Com ou sem piano. Logo que haja música...

Anónimo disse...

Pires, estou ouvindo "Manhã de Carnaval" de Tom Jobim e Luiz Bonfá - momentos nostalgicos...

Bom fim de semana! Beijus

Maria Bonita disse...

Hummm, gostei sim Senhor.

Adorei o esboço.

Um otimo final de semana meu querido ;)

Mendes Ferreira disse...

____________
____________


____________
____________



_____________
_____________

pi a no

sílaba a sílaba

nota a nota.

_______________
_______________


beijo.

Bill disse...

Adoroooo Sophia ^^

Som do piano a molhar o ar com suas notas doces....

Adorei não conhecia esse =]

Bom domingo amigo...

Ps: humf... seu "Canto de Contos" ficou bom mesmo haha, tu vai ver vou melhorar o meu hahhah

[s]s

tb disse...

Um momento de rara beleza...ouvi o som do piano.
Parabéns ao RS pela criação do logo dos contos e parabéns a ti pela forma como ficou o teu novo espaço. Gostei.
jinhos