The Observer - O beijo da gratidão

Ele tinha acabado de salvá-la de um incêndio em sua casa, resgatando-a e levando-a para a relva em frente à casa.
Ela estava grávida. O bombeiro teve medo dela no início, pois nunca antes tinha feito um salvamento daqueles.
Quando finalmente o fogo foi extinto, o bombeiro sentou-se na relva para recuperar o fôlego e descansar um pouco.

Um fotógrafo do jornal "The Observer", notou o olhar dela para o bombeiro.
Ele viu-a andar na direcção do bombeiro, e perguntou-se o que iria ela fazer.Enquanto o fotógrafo levantava a câmara, ela aproximou-se do bombeiro que tinha salvo a sua vida e a dos seus filhos e "beijou-o".





Os meus agradecimentos ao ARodrigues, pela dica.

7 comentários:

Arev disse...

Soube reconhecer o acto e dentro dos possiveis (visto tratar-se de um cão), agradeceu.
Os bombeiros, herois deste verão, não merecem ser esquecidos!

Nocas disse...

já tinha visto esta foto e, realmente, há momentos em que uma imagem vale mais que mil palavras! Este é um desses momentos!

PiresF disse...

O Cão é um animal excepcional e grande amigo do ser humano, é pena por vezes (muitas) ser tão maltratado.

SarocaS disse...

Ora aqui está uma bela EsPrEiTaDeLa!
Cada vez que vejo notícias como estas acompanhadas destas imagens mais gosto do meu Lukito... vou logo a correr apertá-lo e dar muitas festinhas e claro... receber algumas beijocas como essa!
Parabéns ao fotógrafo pelo sentido de oportunidade, ao bombeiro pela coragem e à cadelinha por representar tão bem os animais da sua espécie, que merecem a nossa atenção!

PiresF disse...

Espero que a pata do teu Lukito, esteja a melhorar.

Anónimo disse...

What a great site
»

Anónimo disse...

What a great site »